Deixamos aqui algumas sugestões de pratos típicos da Bahia, para que possa desfrutar do melhor da gastronomia regional!

Quem visita Salvador da Bahia sabe que a culinária baiana é muito famosa e encanta seus visitantes. Aqui na Pousada Solar dos Deuses preparamos uma lista com alguns pratos imperdíveis! E a boa notícia é que existem restaurantes e tabuleiros de baianas no Pelourinho, onde é possível encontrar todos esses pratos.

1. Acarajé
 
O Acarajé é o maior símbolo da culinária baiana, e trata-se de um bolinho feito de massa de feijão-fradinho, cebola e sal, e frito em azeite de dendê. É difícil achar um soteropolitano que abra mão de um Acarajé em uma tarde de sábado. No boêmio bairro do Rio Vermelho é possível apreciar o acarajé de uma das baianas mais renomadas da cidade.
 
2. Moqueca
 
A moqueca é um prato típico de origem africana. Na Bahia, a moqueca tem como ingrediente principal o dendê, quase sempre preparada com frutos do mar dos mais variados tipos, encantando os baianos e turistas do mundo inteiro.

3. Abará

Abará é um bolinho de feijão-fradinho moído cozido em banho-maria embrulhado em folha de bananeira. É um prato típico da culinária da África e da cozinha baiana, e faz parte da comida ritual do candomblé. O abará é feito com a mesma massa que o acarajé: a única diferença é que o abará é cozido, enquanto o acarajé é frito.

4. Arroz de Hauçá

O arroz de hauçá é um prato típico baiano com grande influência no candomblé, pois é uma comida ritual trazida da África pelo povo hauçá, e normalmente oferecido a Oxalá e Iemanjá. A receita consiste de um arroz sem sal, bem cozido para ficar quase desmanchando. É consumido com molho de pimenta-malagueta, cebola e camarão ralados na pedra, e carne-seca frita com alho e cebola. 

5. Bolinho de Estudante

Depois de tanta coisa boa, nada melhor que algo doce para fechar nossa lista não é mesmo? O bolinho de estudante é uma iguaria típica da culinária baiana, feita a partir de tapioca granulada, coco ralado, açúcar e canela. Acredita-se que o nome provém por ser barato e popular entre os estudantes e pode ser encontrado em qualquer tabuleiro de uma baiana de acarajé.